Super Compra

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

A Origem da Vida na Terra

Origem da vida na Terra pode estar no espaço

Estudo mostra que moléculas essenciais para o surgimento da vida podem ter se formado na superfície de cometas e chegado à Terra por meio deles

Juliana Santos
Cometa
Cometas e meteoritos podem ter 'adubado' o planeta para o surgimento da vida (Thinkstock)
Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade da Califórnia em Berkeley e da Universidade do Havaí em Manoa sugere que moléculas complexas, que deram origem à vida, podem ter chegado à Terra através de cometas ou meteoritos. Os resultados serão publicados no periódico The Astrophysical Journal no dia 10 de março.

Conheça a pesquisa

ONDE FOI DIVULGADA: periódico The Astrophysical Journal 
QUEM FEZ: R. I. Kaiser, A. M. Stockton, Y. S. Kim, E. C. Jensen e R. A. Mathies
INSTITUIÇÃO: Universidade da Califórnia em Berkeley e Universidade do Havaí em Manoa
RESULTADO: Moléculas orgânicas complexas, como dipeptídeos, que são essenciais para o surgimento da vida, podem ter ser originado na superfície de cometas e meteoritos e ter sido trazidos para a Terra por eles.
O experimento mostrou que as condições do espaço eram capazes de criar dipeptídeos (par de aminoácidos interligados), essenciais para a formação de proteínas, enzimas e moléculas mais complexas, que são necessárias à vida.
Apesar de os cientistas já terem descoberto moléculas orgânicas mais simples, como aminoácidos, em meteoritos que caíram na Terra, até hoje não foram encontradas estruturas mais complexas. Por essa razão, a teoria mais aceita é a de que a "química da vida" teria se originado nos oceanos primitivos do planeta.
Experimento – Em uma câmara de vácuo, com temperatura de dez graus kelvin (-263ºC) acima do zero absoluto (menor temperatura possível, equivalente a -273,15 ° Celsius), os pesquisadores reproduziram a camada de gelo que recobre a superfície dos cometas, incluindo dióxido de carbono, amônia e hidrocarbonetos como metano, etano e propano (compostos de carbono e hidrogênio). Quanto atingidos por elétrons de alta carga energética, para simular os raios cósmicos no espaço, os compostos químicos reagiram e formaram compostos orgânicos complexos.


Os resíduos formados foram analisados em laboratório por um instrumento ultrassensível de detecção de moléculas orgânicas no sistema solar, que encontrou nove aminoácidos diferentes e dois dipeptídeos. Para os autores, essas moléculas poderiam ter chegado à Terra por meteoritos e cometas, originando a vida como conhecemos hoje.

Um comentário:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir